terça-feira, 13 de novembro de 2018

Sindicato dos Policiais Civis da Bahia elege pela primeira vez representante do interior

Pela primeira vez o Sindicato dos Policiais Civis da Bahia (Sindpoc) elegeu um representante de uma cidade do interior do estado para a nova diretoria. Eustácio Lopes, lotado em Ilhéus, encabeçou a Chapa 1, denominada Chapa do Interior do Estado. Ele enfrentou mais duas chapas e obteve 530 votos.

A eleição para o mandato de 2018/2022, realizada no último sábado (10), teve o resultado apurado no domingo (11).

De acordo com Joseval Costa, diretor do Sindpoc, foi uma disputa muita acirrada. Ele falou sobre as propostas da chapa eleita. “Nossa proposta é buscar a nível nacional um salário equiparado aos policiais civis de Brasília e aqui na Bahia é lutar por nossas garantias, a exemplo da reestruturação. Também queremos regulamentar a questão da lei orgânica para a escolha do delegado geral, pois hoje a escolha é feita de forma direcionada. Também queremos melhorar a questão do atendimento ao público, pois somos prestadores de serviço”.

Segundo ele, o salário dos policiais civis em Brasília está na faixa de 10 mil reais e na Bahia o salário inicial é de 4.300 reais.

Pela primeira vez na história do Sindopc uma mulher foi eleita ao cargo de Vice-Presidente. Carla Souza, tem 42 anos, trabalha há 12 anos na Polícia Civil como investigadora, lotada na Coordenação de Polícia Interestadual da Bahia(Polinter), localizada nos Barris, informou Acorda Cidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário