segunda-feira, 22 de outubro de 2018

ILHÉUS: Suspeito de espancar e matar taxista após acidente de trânsito, se apresenta à polícia e alega fuga da vítima e é liberado

O motorista suspeito de espancar e matar um taxista aposentado após um acidente de trânsito em um trecho da BR-415, no município de Ilhéus, se apresentou à Polícia Civil nesta terça-feira (23).
De acordo com informações da Polícia Civil, Samy Pereira Santana, de 30 anos, prestou depoimento por cerca de duas horas, na companhia de um advogado, na Delegacia de Proteção ao Turista (Deltur), em Ilhéus.
Ele confessou o crime, mas, segundo a polícia, afirmou não ter tido a intenção de matar José Luiz da Silva, após o acidente, na noite de 14 de outubro. O suspeito foi liberado após prestar o depoimento. Samy Santana responderá o inquérito por lesão corporal seguida de morte.
Segundo a polícia, o suspeito afirmou que o taxista tentou fugir várias vezes do local, mas foi impedido por ele mesmo.A Polícia Civil informou que Samy Santana disse, em depoimento, que, após o acidente, a vítima a falou que ia no banheiro, mas pegou carona em uma moto. O suspeito informou que agrediu José Silva quando tentava impedir mais uma tentativa de fuga dele. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário